Mais do que Nobre - constrangedor...

 

 

A candidatura presidencial de Fernando Nobre reconheceu hoje o “atraso de um mês” de renda da sede, em Lisboa, cujo pagamento afirma estar a ser negociado com o senhorio, a quem acusa de promover “um ataque gratuito” contra o candidato. Senhorio diz que atraso é de seis meses.

 

Público



publicado por imprevistoseacasos às 17:26 | comentar | favorito
tags: