Nâo são os domingos dias de descanso?

Não descanso neste domingo. Eu e muitas pessoas, certamente. Mas o sol brilha, as pessoas sorriem, a luz encanta e o descanso não chega.O computador acompanha a solidão imposta com uma melodia única que as teclas conhecem tão bem. O que éramos  nós sem esta melodia de partilha?

Acasos e imprevistos chegam no monitor a uma velocidade insuspeita não fora o pouco caso contrariar o óbvio: deixámos de estar sós quando o monitor e as teclas deram o nó.

publicado por imprevistoseacasos às 15:55 | comentar | ver comentários (4) | favorito