10
Mai 09

Almoço de 15 de Agosto - Hilariante...

 

 

É impossível resistir à simplicidade deste filme. Chega a ser um prazer infantil, acreditem. Vão ver, não percam. É mesmo um prazer simples, dos bons...

publicado por imprevistoseacasos às 23:42 | comentar | ver comentários (2) | favorito
tags:
10
Mai 09

Cal Viva, sugestão para um Domingo

 

Quinta das Torrinhas

Terreno com aves, vento e cercanias

Cal Viva

Duas bolas e um quadrado

Kurosawa

Cobras e rãs

Cof

Espaços

  

Terminado o duo com a pianista de free-jazz Aki Takase, que tantos elogios conquistou por toda a Europa, em 1991 Maria João regressou a casa para trabalhar com o grupo português Cal Viva, que tinha já editado um disco com o mesmo nome em 1990 e para o qual a cantora deu voz a um dos temas (Quinta das Torrinhas).
O núcleo central do Cal Viva era constituído por
Carlos Bica (contrabaixo), José Peixoto (guitarra) e José Salgueiro (percussão). A eles juntaram-se Maria João e Mário Laginha para a gravação do álbum Sol (1991). 
Todas as composições de José Peixoto, excepto "Duas bolas e um quadrado" e "Kurosawa", de Carlos Bica 

Gravado durante o Outono de 1990

publicado por imprevistoseacasos às 12:04 | comentar | ver comentários (5) | favorito
09
Mai 09
09
Mai 09

Prince on the rocks

 

 

publicado por imprevistoseacasos às 14:39 | comentar | ver comentários (6) | favorito
08
Mai 09
08
Mai 09

Fim-de-semana!

 

 

 

publicado por imprevistoseacasos às 18:28 | comentar | favorito
07
Mai 09
07
Mai 09

Excertos VI

 

"Procurei as folhas na sala e nada. Temi que ele as tivesse guardado novamente na mala, sem que eu tivesse reparado. Gritei desvairado. Ninguém respondeu. Apalpei todo o sofá, tacteei a mesa da sala, as cadeiras e nada. As folhas não estavam na sala. A minha cabeça rodava num carrossel de angústia. Não conseguiria ler, de qualquer maneira, o conteúdo da notícia, mas a curiosidade picava-me como agulhas afiadas. Esperaria pela manhã para perguntar onde ela tinha guardado as benditas folhas. Acendi a luz da biblioteca. Que pena não poder ler os milhares de páginas que ali tinha em centenas de pastas espalhadas pela mesa e pelo chão da divisão. Sentia-me bem, pela primeira vez, perto das recordações que tantas vezes associara a uma armadilha. Agora apetecia-me pisa-las de uma forma quase suicida. Queria, precisava de conhecê-lo e confirmar, ou não, a imagem que tinha moldado, que tinha construído. Tinha essa hipótese nas minhas mãos. 
A ignorância permite-nos construir um mundo só nosso, longe de uma realidade crua. A distância não significa fuga."
FC
publicado por imprevistoseacasos às 21:29 | comentar | ver comentários (14) | favorito
tags:
06
Mai 09
06
Mai 09

GULA

 

 

publicado por imprevistoseacasos às 23:13 | comentar | favorito
05
Mai 09

Foi Deus... ouvir até ao fim. Esmagador.

 

 

 

publicado por imprevistoseacasos às 23:43 | comentar | ver comentários (2) | favorito
05
Mai 09

Gaivota, estou oficialmente viciada na versão.

 

publicado por imprevistoseacasos às 23:39 | comentar | ver comentários (8) | favorito
04
Mai 09
04
Mai 09

Alentejo, com qualidade.

Fim-de-semana, no Baixo Alentejo, calor, água, sim água, boa comida, bom vinho, boa conversa e um convite ao lazer. Este Alentejo, poderoso turisticamente, está a ser construído, aos poucos, por nós e por aqueles que vindo de outras paragens, já perceberam que vale a pena pensar num Alentejo sustentável. Deixo duas sugestões, diferentes, mas integradas nesta lógica. Ambas imperdíveis.

 

Hotel - Estalagem - S. Domingos

 

Turismo de Habitação - "Cantar do Grilo"

 

 

 

publicado por imprevistoseacasos às 10:39 | comentar | favorito
01
Mai 09
01
Mai 09

Os "Mártires de Chicago"

   

No 1º de Maio de 1886, milhares de trabalhadores de Chicago (Estados Unidos da América), tal como de muitas outras cidades americanas, foram para a rua, exigindo o horário de oito horas de trabalho por dia. No dia 4 de Maio, durante novas manifestações, uma explosão serviu de pretexto para a repressão brutal que se seguiu, que provocou mais de 100 mortes e a prisão de dezenas de operários.
    Este acontecimento, que ficou conhecido como os "Mártires de Chicago", tornou-se o símbolo e marco para uma luta que, a partir daí, se generalizou por todo o mundo.

 

publicado por imprevistoseacasos às 12:03 | comentar | favorito
tags: